Educação em Pauta, Educação Infantil

A criança e a natureza

Por que os espaços naturais são importantes aliados no processo de ensino aprendizagem?

Autoria: Gabriela Hirata, professora do Jardim II da Educação Infantil do Colégio Santa Maria

No Colégio Santa Maria, educadoras e especialistas em Educação se preocupam em transformar espaços em territórios potentes no que se considera essencial para a educação integral. Integral aqui significa pensar na criança como um sujeito plural, que deve ser respeitado em sua esfera intelectual, social, afetiva, motora e cognitiva.

Um sujeito que é convidado a perceber seu entorno com olhos de respeito, compreensão, aceitação, cuidado e zelo; que vive uma educação sem fragmentação, crítica, reflexiva, questionadora, atravessada por um currículo narrativo e flexível.

Natureza que ensina

Acreditamos que não é possível aprendizagem sem experiência direta com o mundo e a natureza. O mundo e a natureza pulsam, vibram, educam e humanizam. Um espaço de aprendizagem estimulante é aquele que está repleto de vida, com toda sua riqueza de formas, cores, aromas, sons… A própria ideia de natureza e espaço intensificam liberdade.

São nesses territórios que as turmas pisam na terra, na areia, observam o céu, os elementos naturais, os ciclos do tempo nas diversas formas de vida, pois observam, experimentam, investigam… Vivenciam e experimentam seu corpo em terrenos irregulares, ao escalar árvores, ao rolar na grama, balançar na corda falsa baiana. O contato com a natureza privilegia a construção de um olhar de contemplação e respeito para o verde, os animais, flores e plantas. Cuidado e preservação dos elementos naturais.

Estímulo à criatividade

Do ponto de vista infantil, a natureza e suas especificidades é o meio no qual a criança demonstra-se livre, leve e conectada com sua essência. Quando a imaginação da criança se depara com o meio natural, potencializa-se e torna-se uma imaginação criadora – um galho vira colher de jardinagem, uma folha vira um barquinho…

Os elementos da natureza se transformam ativamente em brinquedos e brincadeiras, proporcionam movimentos corporais e desenvolvem o gerenciamento pela autonomia. Em resumo, seu potencial se abre para a construção de conhecimentos, vivências, experiências e aprendizagens!

Você também pode se interessar
Tags: , , , ,

Posts similares

Menu