Ensino Médio, Metodologias Ativas

Teoria de Física compreendida com prática de futebol americano

Para que o temido lançamento oblíquo seja devidamente assimilado, professor do Novo Ensino Médio recorre à modalidade esportiva.

Autoria: Rafael Fonseca Correa, professor de Física do Ensino Médio do Colégio Santa Maria.

Nos estudos de queda livre e lançamentos, devido à grande quantidade de equações, o lançamento oblíquo acaba sendo o assunto mais temido de todos. Com o propósito de eliminar essa “fama”, a unidade curricular de Sportscience do Itinerário Formativo de Ciências da Natureza e Matemática da 1ª série do Ensino Médio do Santa Maria propõe utilizar o futebol americano como estratégia experimental.

Primeiramente, os alunos fazem um levantamento teórico em sala de aula compreendendo todas as grandezas envolvidas. Feito isso, iniciam a parte prática, realizando lançamentos oblíquos com a mão (semelhante a um quarterback) e com os pés (semelhante a um kicker).

Nos dois tipos de lançamento, eles coletam as medidas dos alcances horizontais e do tempo total para que, no último momento, em sala de aula, possam calcular, utilizando as equações, a velocidade de lançamento e o ângulo de lançamento e discutir as observações.

Além de ser um momento único, em que muitos alunos acabam conhecendo uma nova modalidade esportiva, a atividade acaba sendo desafiadora, pois se pode propor alguns objetivos adicionais, como atingir um determinado ângulo de lançamento, o maior alcance, a maior altura e assim por diante.

Quando enfrentamos um tema difícil na Ciência, é necessário ir além das quatro paredes da sala de aula, e é com esse propósito que os Itinerários de Ciências da Natureza do Novo Ensino Médio do Colégio Santa Maria foram elaborados.

Você também pode se interessar
Tags: ,

Posts similares

Menu